Marketing Nutricional
blog

Mais sobre o Mercado de Cake Design

MN: O mercado de cake design trouxe uma nova forma para os profissionais de confeitaria mostrarem ainda mais seus serviços e trabalhos. Como você vê esta nova etapa?

Moneh Almeida:  Eu vejo como um divisor de águas na área de confeitaria. O setor de Cake Design vem crescendo substancialmente nos últimos anos. Essa nova etapa tem sido muito importante para nós os profissionais da área. Hoje em dia temos Feiras, Exposições e Congressos voltados ao nosso mundo, o mundo doce da criatividade,da fantasia, da irreverência, do inusitado, do clássico repaginado, tudo isso em forma de bolo.Esses eventos nos premiam com a divulgação dos nossos trabalhos, nossas obras de artes. E com isso o crescimento do setor só aumenta..

MN: Sua técnica de trabalhar com a criatividade e desenho na decoração de bolos tem traços únicos e próprios, como alcançar a qualidade do resultado final?

Moneh AlmeidaTrabalhar com pintura em chocolate envolve muita paciência e concentração. É um trabalho demorado e muitas das vezes minucioso.Alcançar a qualidade no resultado final exige muito treino, amor pelo chocolate, dedicação e persistência. Estou 6 anos trabalhando com pintura no chocolate e a cada trabalho aprendo mais um pouquinho.

MN: Quais são suas principais referências para aprimorar e aperfeiçoar sua técnica profissional ?

Moneh Almeida: Como a técnica que uso é inovadora e, não tem no mercado, procuro buscar o que é tendência no mundo de Cake Designer , crio uma pasta arquivo de inspirações e trabalho em cima disso estudando muito, inventando técnicas novas e a possibilidade de transformá~la em arte no chocolate.

MN: O quanto a indústria de alimentos busca valorizar o mercado de decoração e confeitaria?

Moneh Almeida: É perceptível que as indústrias de alimentos tem se preocupado bastante com os profissionais. O cenário mudou e hoje as indústrias que produzem para as médias e grandes empresas de confeitaria perceberam o crescimento do setor de cake Designer e Decoração e estão dedicando uma parte de sua larga escala na produção de produtos porcionados e isso nos favorece e muito.

MN: Como os profissionais podem se atualizar sobre as novas tendências e melhorarem suas qualidades profissional e empreendedora?

Moneh Almeida: Temos um mundo de conhecimento ao nosso alcance. Hoje em dia existem  muito cursos em escolas renomadas, lojas do setor alimentício, ateliers de grandes artistas, aulas particulares e os eventos do setor ( Feiras, Exposições e Congressos), que oferecem cursos práticos e workshops.

MN: Para este mercado se destacar ainda mais o que você acha que ainda deve ser feito?

Moneh Almeida: O mercado tem se destacado bastante nos últimos anos. Temos grandes profissionais nacionais e o que poderia ser feito e já está sendo, são as empresas nacionais aprimorarem nossa matéria prima, que muitas vezes temos que buscar fora.

MN: O profissional autodidata tem mais ou menos dificuldade de ser reconhecido neste setor de confeitaria?

Moneh Almeida: O profissional autodidata tem muita dificuldade de entrar no mercado de trabalho e ser reconhecido. É complicado você falar que não tem curso ou formação na área. Estou há 6 anos trabalhando com isso e há mais ou menos uns 2 anos que venho percebendo que o reconhecimento está aparecendo.Mas acredito que isso seja normal, é como a vida, um passo de cada vez!

Contatos:
Email: docemoneh@gmail.com
instagram: @monehalmeidaoficial
tel: (13) 98197-6194

 

 

BLOG

Moneh Almeida

Moneh Almeida, Cake Designer especializada em decorações e pinturas com chocolate

JORNAL ELETRÔNICO

banner

Fornecedores

banner

MERCADO PROFISSIONAL

banner

BLOG DOS PROFISSIONAIS

banner

ENTREVISTA

banner

Emprego

Notícias do Setor de Alimentação. Cadastre-se!